21
maio
09

Política: Loteamento de horários em TVs

O jornalista e crítico de TV Flávio Ricco, em sua coluna eletrônica no UOL, soltou a seguinte nota:

Território livre

Em São Paulo e no Rio, quase nada, mas cresce de forma bem assustadora o número de políticos negociando horários e lançando programas em emissoras de todo país.

Todos, claro, com os olhos lá na frente.

Bom. Só pra investigar, resolvi dar uma zappeada nos canais de TV locais de Campo Grande (MS) para ver. A constatação que eu cheguei:

  • Picarelli Com Você (BAND): o deputado estadual Maurício Picarrelli, após o rompimento político com o empresário Antônio João Barbosa (na época, presidente do PTB/MS), acabou migrando da TV Campo Grande (afiliada SBT) para a TV Guanandi (afiliada BAND).Além da independência política — atualmente ele deixou de ser “oposição” e faz parte da base de apoio ao governador André Puccinelli — ele ganhou uma liberdade jornalística maior.A atração que ele e sua esposa comandam, segue a velha fórmula, já usada com sucesso no programa “O Povo na TV” — que ele apresentou por 22 anos (segundo a Wikipedia).Cenas chocantes de acidentes e mortes, assistencialismo social, jornalismo comunitário, jogos interativos com distribuição de prêmios (cestão do Picarreli, Motorelli, etc)… dão fôlego à atração.Quando por algum motivo (na época das eleições estaduais ou em viagens oficiais) Picarrelli precisa de afastar da apresentação, é sua esposa Magalli Picarelli — que também é vereadora na Capital — quem assume a o comando do show de TV, que “mostra sem retoques, a vida como ela é” (nas palavras do próprio Picarelli).

    Picarelli também popularizou alguns bordões, tais como: “Aqui tem tereré na guampa” (adaptação da frase dita por Ratinho, “aqui tem café no bule”); “Quem avisa, amigo é!”; “Não assine nada sem ler, não pague nada sem recibo“; “Minhas comadres, meus amigos“.

    Inspirando-se no boneco Xaropinho (do Ratinho), criou a personagem “Micorelli” — um macaquinho de fantoche, que interage com ele na apresentação do seu programa. Outra “descoberta’ de Maurício é o “Seo Pedro”, que começou fazendo merchandising de um loteamento e acabou caindo nas graças do público com o bordão “Quem compra terra não erra“.

    Outra curiosidade é que sua mudança para a BAND, tem uma incrível coincidência: Picarelli é Pastor Evangélico (na PIB, Primeira Igreja Batista) enquanto, a TV Guanandi pertence ao Rev. R.R. Soares (da Igreja Internacional da Graça de Deus).

  • Programa Marquinhos Trad (BAND): estreiou nesta semana, logo após Picarelli. Apresentado pelo Deputado Estadual Marcos Trad (PMDB/MS) — filho do Deputado Federal Nelson Trad, irmão do Prefeito da Capital, Nelson Trad Filho e do Presidente da OAB/MS, Fábio Trad.Como acabou de estreiar, o deputado Marquinhos ainda não definiu uma “fórmula certa” para o programa. Por enquanto, são exibidos filmetes feito com populares, ora com perguntas sobre Direito (ele é advogado), ora com mensagens de apoio.

  • O Povo na TV (SBT): durante muitos anos, apresentado por Maurício Picarelli, nesta semana estreiou com novo apresentador: o ex-deputado estadual e ex-prefeito da cidade de Aquidauana (MS) e também radialista Raul Freixes.Antes de Freixes, quem ocupou o posto de apresentador foram os jornalistas Luis Fernando Fernandes — que deixou o posto para concorrer à vereador nas últimas eleições municipais, que além de não ter conseguido ser eleito, não permaneceu na apresentação do programa —  e Cláudio Severo.Severo é repórter da atração há muito tempo, e sempre foi escalado como apresentador eventual. Com seu estilo descontraído, acabou conquistando o posto definitivamente, com a saída de Fernando Fernandes, sendo substituído somente agora.

  • Médico da Famíla (SBT): apresentado pelo médico e vereador Paulo Siuffi (PMDB/MS). Ocupa o hiato deixado pelo extinto programa “Boa Saúde”, que era apresentado pelo também médico Nelsinho Trad — na época, também vereador, como Siuffi — e posteriormente, comandado por Luis Henrique Mandetta (primo de Nelsinho Trad e atual Secretário Municipal de Saúde).O programa tem caráter educativo, trazendo sempre algum especialista em saúde para ser entrevistado pelo médico/apresentador, ou ainda, respondendo à perguntas enviadas pelos telespectadores.
  • Tema Livre (SBT): originalmente exibido na TV Guanandi (Band), pelo então Deputado Estadual Waldir Neves. Com a eleição de Waldir para Deputado Federal, o programa acabou.Retornou, algum tempo depois, sob novo nome: Balanço Geral, na TV MS (Record). Em função da ausência — De 3ª à 5ª feira, Waldir está em Brasília — o programa era apresentado por Benhur Ferreira, ex-vereador e professor universitário.A curiosidade é que, Benhur chegou a ser candidato à Prefeito pelo PT e era correligionário do ex-governador Zeca do PT. Tendo sido alijado politicamente, voltou ao ensino universitário (é professor de Direito). Um de seus alunos é o jovem político e vereador Edimar Neto (neto de Lúdio Coelho) que acabou convidando-o à ingressar no PMDB, cujo líder máximo é o governador André Puccinelli, arquirival político de Zeca e do PT.Com a reformulação do Jornalismo da TV MS, adotando as diretrizes da Record, Waldir Neves deixou o comando da atração do Balanço Geral. Nesta semana, porém, voltou ao ar no SBT, ressuscitando o “Tema Livre”.
  • Balanço Geral (RECORD): o programa “Balanço Geral” é uma espécie de “fraquia” que a Record detém e aplica nas suas afiliadas, especialmente, naquelas situadas em Capitais. A fórmula consagrada desse programa é o jornalismo sensacionalista e de forte apelo popular.Atualmente fora do ar, há a previsão que a atração retorne à grade da TV MS, totalmente reformulado: cenários e apresentadores novos, e é claro, com foco total no “sensacionalismo”. Os cotados para assumir a apresentação são o jornalista Rodrigo Monterani (ex-TV Morena/Globo) e o radialista e vereador Alcides Bernal.

Por enquanto, somente esses são os programas “ancorados” por apresentadores detentores de mandato político. Mas rumores indicam que mais políticos estreiarão programas na TV. É aguardar e conferir!

Anúncios

0 Responses to “Política: Loteamento de horários em TVs”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Pessoas já leram MZN News:

  • 325,172 hits

SOS Nordeste

Categorias de Matérias

Quer procurar alguma coisa no Blog?

Digite no campo abaixo palavras chaves (tags) para encontrar nas matérias já publicadas

Arquivos

Expediente

Editor e Articulista:
Mazinho Almeida
Colaboradoras:
Fládima Christofari (Campo Grande -MS)
Helen Mariana (Curitiba-PR)
Cartas à Redação:
Para corresponder com nosso blog, além dos comentários, envie e-mail para o endereço mznnews.redacao@gmail.com

%d blogueiros gostam disto: